Não aumente seus problemas e suas perdas. | Eduardo Colamego
29 de agosto de 2016 eduardocolamego

Não aumente seus problemas e suas perdas.

Todos em algum momento passamos por problemas, sofremos perdas no trabalho e ficamos extremamente chateados, irritados, sem paciência, e nesse ponto, precisamos ter cautela, eu sei, não é fácil, mas precisamos não aumentar nosso problema agindo por exemplo de forma grosseira com aqueles que nos amam e amamos também.

Um filho não sabe e não tem culpa do problema que estamos passando e vem com sua inocência, pedir para brincar, e então, algumas pessoas descarregam sua angustia e raiva sobre a criança, que sem saber, sem entender o que está havendo, se entristece, sofre, pensando o que fez de errado, se apenas pediu atenção, ser apenas pediu para brincar e estar junto de seu pai e ou de sua mãe. Veja, o problema no trabalho, passa agora a causar um problema com o(a) filho(a), mas não foi diretamente o problema no trabalho e sim, a reação da pessoa, a falta de controle emocional que causa outro problema.

A esposa e ou marido, quer ajudar, saber do problema, mas, assim como aconteceu com a criança, sofre uma descarga negativa, danosa e ainda ouve coisas do tipo:
– Você sabe que não estou bem, me deixa, parece que não entende meus problemas.
Agora, é a vez do cônjuge, se entristecer, se sentir diminuído(a).

Repito, eu sei que não é fácil manter-se equilibrado(a) em um momento de perda ou dificuldades, mas não podemos permitir que isso cause mais problemas, não podemos nos apegar a desculpa de que por termos problemas, todos devem entender e aceitar qualquer reação negativa, não podemos achar que o problema justifica qualquer atitude ignorante e agressiva.

É preciso ter cuidado para não aumentar os problemas ao ponto de ocorrer perdas irreparáveis.

“A ignorância nunca é uma boa escolha, o carinho sempre é.”
(Eduardo Colamego)